terça-feira, 22 de junho de 2010

'O SERTÃO VIROU MAR - O PANORAMA DE UMA TRAGÉDIA'


Cenário apocalíptico beirando o inacreditável! O que parecia ser impossível aconteceu: "o sertão virou mar"!  Barragens romperam, rios transbordaram, ruas inteiras submersas. Mais uma prova do poder avassalador da natureza e do nosso ínfimo controle sobre sua soberana vontade. Estado de calamidade pública fora decretado por aqui  e segundo o último relatório da defesa cívil mais de 177 mil pessoas foram de alguma forma afetadas pelo ocorrido.  Inúmeros municípios alagoanos (sem contar com os vizinhos pernambucanos) seguem sem perspectivas, muitos até ilhados, visto que muitas pontes de ligação a essas cidades foram completamente destruídas pela força das águas. Durante sua visita aos locais mais críticos, o ministro da Integração Nacional, João Santana, prometeu o envio de duas pontes móveis, moduladas, vindas do Rio Grande do Norte e do Ceará para  facilitação dos trabalhos de  socorro às vítimas. Em conversa com Teotônio Vilela Filho, o presidente Lula prometeu R$ 25 milhões para o Estado e enviar  mais  ministros para ver a destruição em Alagoas de perto. A visita do presidente está prevista para amanhã, 23/06.

“A tragédia é fato e a prioridade número um é salvar e resgatar as pessoas que estão completamente ilhadas nesses municípios, sem casa e sem teto, água potável e sem comida”, disse o governador do estado. Os números são realmente alarmantes, pelo menos 17 municípios foram fortemente atingidos pelas enchentes. Na cidade histórica de União dos Palmares estima-se  que mais 9.000 pessoas estejam desabrigadas, inclusive um povoado remanescente de quilombolas está entre os mais afetados. Em Murici são  5.000, mais de 2.000 em Rio Largo e aproximadamente  1.200 em  Viçosa. Outras cidades bastante atingidas foram Quebrangulo e  Branquinha, onde todos os prédios públicos foram destruídos, impossibilitando até o funcionamento da Prefeitura. Imaginem vocês que nesses e em outros tantos lugares, bairros inteiros simplesmente desapareceram! Só sobrou o lixo e a lama. Todos os vestígios de civilização sumiram do dia para noite! E o risco de novos desastres ainda não terminou, visto que o inverno só começou e as fortes chuvas podem voltar a qualquer momento.


Na realidade, esses cenários de alagamentos não são necessariamente uma novidade. Desde que o mundo é mundo, de tempos em tempos nos deparamos com acontecidos dessa natureza. O que nos alerta porém, são as dimensões que essas catástrofes vem tomando ultimamente e mais, a frequencia com que elas tem atingido regiões cada vez mais  improváveis. Quando não enfrentamos calores intensos, secas devastadoras, nos deparamos com volumes incríveis de chuvas e resultados ainda mais degradantes, agravados pelo desmatamento, pelo lixo acumulado, pelo crescimento desordenado da população, pela poluição que acaba com a pouca umidade do ar em determinadas épocas do ano... sinceramente não sei onde tudo isso vai parar, mas gostaria de lembrar que o princípio desse movimento que começa dentro de nossas casas, a partir da mudança de nossos hábitos!

...

Para os que estiverem em outros estados e desejarem se solidarizar com os desabrigados:

- Podem viabilizar doações através de depósitos bancários (caso não existam postos de doações  próximos). As contas bancárias são: Banco do Brasil - C/C 5241-8 / Agência 3557-2  ou Caixa Econômica Federal – C/C 955-6 / Agência 2735 / Operação 006.

Em Maceió, os postos de arrecadação de mantimentos são:

- Capital: 1º Grupamento de Bombeiros Militar (1º GBM) – Rodovia 316, Km 14, Tabuleiro dos Martins, próximo a Policia Rodoviária Federal, 3315-2900 / 3315-2905. Grupamento de Socorros de Emergência (GSE) – Conjunto Senador Rui Palmeira, S/N, 3315-2400.
 - Subgrupamento Independente Ambiental (SGIA) – Av. Dr. Antônio Gouveia, S/A, Pajuçara, próximo ao Iate Clube Pajuçara, 3315-9852.
 - Quartel do Comando Geral (QCG) – Av. Siqueira Campos, S/N, Trapiche da Barra, próximo a Pecuária, 3315-2830.Defesa Civil Estadual (Cedec) - Rua Lanevere Machado n.º 80, Trapiche da Barra, próximo a Pecuária, 3315-2822 / 3315-2843.
- Grupamento de Salvamento Aquático (GSA) – Av. Assis Chateaubriand, S/N, Pontal, próximo a Braskem, 3315-2845.

No interior, podem ser feitas doações através dos postos de:

- 2º Grupamento de Bombeiros Militar – Maragogi, (82) 3296-2026 / 3296-2270.

- 6º Grupamento de Bombeiros Militar – Penedo, (82) 3551-7622 / (82) 3551-5358.

- 7º Grupamento de Bombeiros Militar – Arapiraca e Palmeira dos Índios, (82) 3522-2377, (82) 34212695.

- 9° Grupamento de Bombeiros Militar – Santana do Ipanema e Delmiro Gouveia, (82) 3621-1491 / (82) 3621-1223.

Para maiores informações/acompanhamento das notícias:

- http://www.agenciaalagoas.al.gov.br/index.kmf
- http://www.tudonahora.com.br/
- www.correio24horas.com.br
- www.cadaminuto.com.br


Cansada de  insistir  com  seus  avisos e sinais, a natureza vem gradativamente perdendo a paciência com os nossos sucessivos descasos... resolveu agir! Que nossa consciência possa estar cada vez mais vigilante e nossa responsabilidade ambiental aguçada, pelo bem de todos e pela salvação do mundo em que vivemos... ou sobrevivemos?

Quem puder ajudar, estão aí as formas mais indicadas!
Fraternalmente agradeço!
Jr Vilanova.

9 comentários:

Teresa disse...

Junior
Tenho seguido a situação pela televisão, aqui em Portugal. O que posso dizer mais? É terrível. Um abraço solidário.
Bjs

Wanderley Elian Lima disse...

Oi meu amigo
Realmente uma tragédia o que está acontecendo por aí. Estamos acompanhando pelos noticiários e estou pasmo. Um grande abraço solidário.
Bjux

CRISTIANE disse...

Júnior...

Espero que a ajuda chegue mesmo logo, de todos os lugares, que as pessoas ajudem como conseguirem... também quero fazer algo, nem que seja divulgar esse teu post para os meus, tá?

Você tem muita razão no que diz aqui, palavras sábias como sempre!
Bjo da Cris.

mari disse...

oi primo estou acompanhando tudo que esta acontecendo e muito triste so DEUS para dar conforto a essas pessoas. um abraço.

lis disse...

Júnior
Estou desolada com essa tragédia em Alagoas e Recife, pelas imagens parece que passou un tsunami e levou tudo.E com a Copa do Mundo em ação, parece que a mídia não esta se dando conta do tamanho da tragédia!
Ouvi hoje que já começam a chegar mantimentos e socorro . Imagino o sofrimento dessa gente!
E em Maceió? as coisas estão bem ? seu bairro? voce está bem não? mande mais noticias.
penso que o pior acontece nos locais mais despreparados pra receber muita chuva, sem escoamento,contruçoes precárias não?
Vamos confiar que as chuvas cessem e as coisas voltem devagarinho ao seu eixo.
grande abraço

Jr Vilanova disse...

Querida Lis e demais amigos...

Comigo está tudo bem... a cidade de Maceió, a capital, não sofreu tanto com o volume de chuas. Por aqui as áreas mais atingidas são as tidas como 'de risco', ou seja, perto de barreiras etc. O máximo que fiquei sabendo, foi no bairro do Vergel, que fica próximo a lagoa Mundaú e chegou a encher com as chuvas. Escolas do bairro foram invadidas e saqueadas por lá...

Realmente os efeitos foram devastadores, típicos de tsunami! Inacreditável olhar para um bairro inteiro e só encontrar destroços, lama e muito lixo, onde antes haviam casas, ruas e praças... taí o tamanho da nossa vulnerabilidade! Uma Usina de álcool fora atingida também e dois tonéis foram tombados e arrastados tamanha a fúria da natureza!

Para os que puderem ajudar, por favor, os meios estão acima! Divulguem o post!
Jr.

Chica disse...

É impressionante tudo isso,Vemos a cada dia mais e mais calamidades acontecendo.Que tudo se acalme um pouco e que possasm fazer algo ´por esse povo que sofre.Como tu e famíliaestão em meio aisso? um abraço, sentindo muito,chica

Anônimo disse...

Maria da graça

Daqui de Portugal receba um abraço de solidariedade.

Cláudia disse...

Uma trajédia sem tamanho....nós que moramos na Capital praticamente não tivemos sérios problemas que as chuvas que caíram, mas em alguns interiores a situação foi e está sendo alarmante.
Vamos ajudar sim a quem está necessitando de nossa ajuda!
Parabéns pela iniciativa amigo!

Postar um comentário

Algumas dicas para comentaristas:

1. Use sempre o login da sua conta/ e-mail do Google ou Yahoo. Para os que não as tem, opinhem usando "Nome / URL"! É só digitar seu nome, assim todos saberão quem escreveu (inclusive eu!)

2.Se você possui um blog seu comentário será uma ferramenta de divulgação, pois representa o seu cartão de visita para os que não lhe conhecem. Pense nisso.

3.O espaço aqui é bem democrático, fique a vontade pra falar o que pensa e obrigado pela visita!

 

Copyright © - Contatos Imediatos - Todos os direitos reservados.
Template Minima de Douglas Bowman - Design por Linketal.com