segunda-feira, 2 de agosto de 2010

AOS POUCOS...


Aos poucos e para poucos... retomando a rotina do blog!

Sabe como é, "é preciso viver também" e a realidade as vezes teima em nos afastar de nossos prazeres! Não é novidade que gosto muito de estar aqui, que sinto prazer em visitar outros blogs, conhecer novos espaços, planejar mais uma semana de postagens, mas infelizmente nem sempre consigo cumprir esse compromisso! Provavelmente a maioria dos blogueiros deve passar por isso também, exceto os que tiveram a sorte de transformar o prazer pessoal em profissão! Já pensou...

Então venho dar as "boas-vindas" ao mês de agosto, torcer para que ele nos traga  alegrias, dias de ócio capazes de traduzir nosso contentamento em coisas positivas, prontas para serem doadas, oferecidas, compartilhadas... No momento, como de costume, seguem minhas dicas de fim de semana!  

Para ouvir...

Saudades do mestre Gonzaguinha? Vamos dar um jeito nisso... Sei que filhos de artistas consagrados comumente  não  se sentem  a vontade com comparações... querem sim aparecer, mas se destacando pelos seus próprios talentos e isso é bem compreensível. No caso de  Daniel Gonzaga - que em 2007 gravou um cd intitulado 'Comportamento Geral', lançado pela Biscoito Fino- acredito que comparações não soarão tão mal, até porque, além de possuir um timbre impressionantemente parecido com o do pai, ele resolveu homenageá-lo nesse belo trabalho, revisitando alguns de seus clássicos. Diante do exposto, você já imagina porque é quase impossível deixar de apontar tais semelhanças. É só apertar o play e aguardar o impacto.
Mas não é só por isso que recomento o cd, ele é muito bom e outros detalhes merecem destaque: o disco fora gravado todo ao vivo, em estúdio, dando a ele um diferencial fantástico. Daniel gravou as faixas como nos anos 70, com todos os músicos tocando ao mesmo tempo, uma característica pouco comum nos dias de hoje. Entre as 15 canções, existe uma inédita do compositor: "Namoro", nunca antes registrada. As pérolas imortais também não vão faltar, a exemplo de "Feliz", "Sangrando', "Diga lá, coração", "Não dá mais pra segurar" etc . A arte gráfica em geral é linda, o encarte está maravilhoso, como só a Biscoito fino sabe fazer... Não sou crítico, mas sei reconhecer as coisas que me tocam, portanto... "explode coração"!


Pra ver...


Tudo que me ajuda a entender melhor a música brasileira me interessa. E imagine você o que acontece quando quem está contando essa história é nada menos que Caetano Veloso, Gilberto Gil, Gal Costa e Maria Bethânia, ou seja, a própria MPB personificada... imperdível. Esse fim de semana mergulhei com fé na trajetória desses artistas. Comecei com "Os Doces Bárbaros", um filme de Jom Tob Azulay, lançado originalmente em 1978 e relançado pela Biscoito Fino após um criterioso processo de recuperação de som e imagem, e melhor, sem os cortes da Censura Federal! Nele  é possível acompanhar os melhores momentos do show formado com o intuito de comemorar os dez anos de carreira dessa turma! Entre os números musicais  estão: "São João, Xangô menino", "Os mais doces bárbaros", "Pássaro Proibido", "Atiraste uma pedra", "Eu te amo", "Pé quente, cabeça fria" etc.
No documentário, destaque para o escândalo da época: a prisão de Gilberto Gil e do baterista Chiquinho Azevedo por consumo de drogas (leia-se maconha) e boa parte desse julgamento, que teve  direito a  "lição de moral" das autoridades e um cômico cinismo do cantor! Outro momento marcante pra mim foi a entrevista tensa que Maria Bethânia concedeu em seu camarim, dando um show de jogo de cintura e paciência num inquisidor abusado e visivelmente interessado em tirá-la do sério. Daí temos os  ensaios, um pouco do processo criativo dos gênios, a voz de Gal Costa no início de sua carreira, a intimidade nos camarins e na vida pessoal, o tratamento dado pela imprensa da época, enfim... Cês conhecem o filme? Muito bom olhar para trás as vezes, não? Essa relíquia estará na minha coleção com muitas recomendações...



Daí, nós damos um salto de mais de 20 anos e nos deparamos com esses mesmos  cantores numa situação parecida, apesar de suas novas e diferentes fases de vida. Um reencontro para alegria geral dos fãs, dessa vez  capitado  pela  sensibilidade  de  Andrucha Washigton, que surge com o filme "Outros (doces) Bárbaros", de 2004, lançado pela mesma gravadora (E dá-lhe Biscoito Fino). Ali, na turnê que começou em dezembro de 2002 por conta da série Pão Music, do grupo Pão de Açúcar,  os bárbaros, bem    mais  maduros, consagrados e com muito mais histórias pra contar, promovem apresentações e diálogos  inesquecíveis. 
E assim temos a oportunidade de  mergulhamos  outra vez  na intimidade dos bastidores,  dos  ensaios, no relacionamento afetuoso desses baianos, no templo sagrado dos processos de composição e interpretação etc. Eis um momento de celebração maravilhoso: repertório fantástico, interpretações emocionadas, entrevistas interessantes e até tensas ( bem ao estilo Caetano Veloso de ser), revelações e curiosidades. Adoro esse filme, tudo nele me convence e sempre que posso assisto navamente... conto até um segredo: aqui em casa nos divertimos muito com a cena do suposto "pilequinho" de Bethânia no avião no finalzinho do documentário... muito legal enxergá-la assim, tão, digamos, humana! O "selinho" dela e Gal  após cantarem  "Exotérico" também adoro, aliás, deixo um aperitivo aí pra vocês que ainda não viram:


...

Boas as dicas, não? Anota aí no caderninho pra procurar na locadora no fim de semana! Se tiver procurano um bom presente ou uma boa  sugestão de música, taí o Daniel Gonzaga... E PRA QUEM NÃO ESTÁ INTERESSADO NEM NUMA COISA, NEM NA OUTRA: BLOG CONTATOS IMEDIATOS RETOMANDO A ROTINA!

Só me resta desejar uma boa semana!
"E vamo que vamo que dá"... sempre dá!
Jr Vilanova. 

8 comentários:

carol sakurá disse...

Olá,Junior!
Feliz com seu retorno!
Com suas dicas deliciosas dá para começar a semana inspirada.
Realmente mesclar os dois mundos não é tarefa nada fácil,às vezes acabo fazendo o blog um pouco mais raso.
Uai,Junior se vc quiser participar,ficarei muito contente.Que tal uma indicação de música que goste?
Beijos!

lis disse...

Gosto das músicas do Gonzaguinha Junior ainda nao conheço o trabalho do filho Daniel , ouvi falar , li a respeito mas agora vou ouvir.
E Gal Costa e Bethania são excelentes, voz e repertório.
Conferido e aprovado.Muito bom.
deixo abraços

Wanderley Elian Lima disse...

Olá meu amigo
Voltei.
Obrigado pela força dada durante a minha ausência.
As férias foram ótimas , dessa vez fiz pouco circuito cultural, preferi cair na gandaia rsrsrsr
em Sampa, mas antes fui a Milho verde uma roça aqui em Minas.
Beijão

Chica disse...

Chegaste bem acompanhado!Muito legal!abração,tudo de bom,chica

DILERMArtins disse...

Mas bah, guri.
Chegou com tudo, vamo que vamo...
Parabéns.

Junnior disse...

As dicas são ótimas, sim.
Obrigado pelo comentário simpático lá no blog. De certa forma, falamos sobre o mesmo tema: agosto. Ou de gostos.
Tenha uma boa semana.
Abraços.
Junior.

CRISTIANE disse...

"Até que nem tanto esotérico assim"...

Gal e Bethânia cantando Gilberto Gil é covardia, hein moço... adorei as dicas (que confesso, desatenta, nem sabia da existência!)..

Você é dez... ah, e estou entre esses "poucos", ok?
Beijo da Cris.

Sandro Omena disse...

Juniorr,
Saudades de vocês! Preciso vê-los!
Adorei as dicas, e quando penso que conheço tudo na música ai me engano. O trabalho de Daniel para mim é novo. Irei averiguar para passar o fax! rsrsrs. Os doces bárbaros graças ao seu belíssimo acervo os conhecí. A Primeira versão é extraordinária, os detalhes são maravilhosos, gosto muito! Agora depois da maturidade é interessante ver o quanto eles trouxeram de original ainda nas interpretações ao meu ver.E ver bethânia de pileque é bom demais, kkkkk. Adorei! Parece que estavamos bebendo em um bar na orla de Maceió. Impressão boa. Falei para Renan do vídeo onde uma fã tenta beijar os pés de bethânia lá em Portugal, você viu! Nossa! Não queria estar na pele dela. Enfim!
Grande Beijo e ótima semana.

Postar um comentário

Algumas dicas para comentaristas:

1. Use sempre o login da sua conta/ e-mail do Google ou Yahoo. Para os que não as tem, opinhem usando "Nome / URL"! É só digitar seu nome, assim todos saberão quem escreveu (inclusive eu!)

2.Se você possui um blog seu comentário será uma ferramenta de divulgação, pois representa o seu cartão de visita para os que não lhe conhecem. Pense nisso.

3.O espaço aqui é bem democrático, fique a vontade pra falar o que pensa e obrigado pela visita!

 

Copyright © - Contatos Imediatos - Todos os direitos reservados.
Template Minima de Douglas Bowman - Design por Linketal.com