quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Quarta da Poesia: 'RECEITA DE ANO NOVO'




"Para você ganhar belíssimo Ano Novo,
cor de arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação como todo o tempo já vivido

(mal vivido ou talvez sem sentido)
para você ganhar um ano não apenas pintado de novo,
remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser,
novo até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens? Passa telegramas?).
Não precisa fazer lista de boas intenções para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar de arrependido pelas besteiras consumadas
nem parvamente acreditar

que por decreto da esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.
Para ganhar um ano-novo que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo de novo,
eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre."

Carlos Drummond de Andrade
Texto extraído do "Jornal do Brasil", Dezembro/1997.


Outras palavras...



O dia anterior fora de muitas nuvens no céu. De noite, uma chuva discreta e silenciosa lavou as calçadas, as ruas, os casebres, as mansões... a faxina promovida por São Pedro foi caprichada, a casa precisava estar preparada para o ilustre visitante que já está a caminho.

Quando o dia amanheceu, o cheiro do orvalho era inspirador, me acordou. No céu especialmente azul, o sol brilhante irradiava uma mensagem otimista, e o mar  verde esmeralda, propunha um banho revigorante... deixei que as ondas levassem os resquícios de 2009 em mim.

Foi então que resolvi abrir minha janela. Abrir todas e mais janelas. Escancará-las! O ano velho queria sair por completo! Desejou ir embora e eu, agradecido, permiti que fosse! Em forma de vento forte ele cortou o corredor, passou pela sala, pelos quartos, entrou pela cozinha e sumiu por entre o verde das palhas dos discretos coqueiros.

E assim o dia prosseguiu entusiasmado. Mas não mais que eu, que esperançoso e feliz, também preparei meu lar para o ilustre visitante, para que quando chegar, se sinta acolhido e aqui, nos próximos 365 dias, faça sua morada.

Desde então o coração inquieto é só expectativa... já, já, uma nova luz vai clarear o horizonte e o mundo deverá estar pronto para se adaptar a novas demandas...






Tô feliz, ano novo!

Apolinário Júnior.

7 comentários:

Guilherme Ramos disse...

Enfim: VIVA! (nos DOIS sentidos...)

Um abraço, meu amigo!

E 2010 suuuuuper 10! Aliás: 2000 ideias pra VOCÊ!!!!

Abração!

Wanderley Elian Lima disse...

Olá meu querido amigo, como você está de saúde?
Desejo-lhe um Ana Novo cheio de realizações, com muita saúde, amor e paz.
Bejão

.Lis disse...

Oi,Júnior
Como Drumonnd declama, espero que o Ano Novo que está sempre a cochilar dentro de nós , acorde daqui mais um dia pra nos trazer esperança e fé , dias mais justos e de gestos e atitudes que comprovem nossas palavras .
Te abraço com votos de um lindo 2010.

carol sakurá disse...

Junior,

Cortar o tempo

Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano,
foi um indivíduo genial.

Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez, com outro número e outra vontade de acreditar que daqui pra diante vai ser diferente
Carlos Drummond de Andrade

Beijos e feliz 2010!

Carol Sakurá

CRISTIANE disse...

Não poderia deixar o ano novo chegar sem vir te desejar um caminhão de coisa boa...

Através do seu blog desenvolvemos uma relação fraternal que quero que perdure em 2010!

Muito amor, viu? FELIZ ANO NOVO.
Cris

Cláudia disse...

Que belíssima mensagem!!!

Respeirar novos ares, levantar a cabeça, caminhar na direção traçada, com muita fé, esperança e principalmente acreditar no
seu potencial!!!

Viva 2010!!!! VOCÊ ATRAI O QUE VOCÊ TRANSMITE!!!Vamos transmitir tudo o que há de melhor em nosso ser sempre!!!

Bjãooo

Dalva disse...

Querido amigo!

Muito bonito este texto... a renovação exige janelas abertas, prontas para acolher o novo que se aproxima... Que 2010 te favoreça!

Bjs.

Postar um comentário

Algumas dicas para comentaristas:

1. Use sempre o login da sua conta/ e-mail do Google ou Yahoo. Para os que não as tem, opinhem usando "Nome / URL"! É só digitar seu nome, assim todos saberão quem escreveu (inclusive eu!)

2.Se você possui um blog seu comentário será uma ferramenta de divulgação, pois representa o seu cartão de visita para os que não lhe conhecem. Pense nisso.

3.O espaço aqui é bem democrático, fique a vontade pra falar o que pensa e obrigado pela visita!

 

Copyright © - Contatos Imediatos - Todos os direitos reservados.
Template Minima de Douglas Bowman - Design por Linketal.com