quinta-feira, 20 de maio de 2010

'UM VENENO PARA A CIÊNCIA'

Volto nessa quinta para me solidarizar!



Como sabemos, no último dia 15 de maio, o laboratório de répteis do Butantã (ou Butantan), em São Paulo, foi atingido por um lamentável incêndio que pôs fim  ao acervo de mais de 70 mil espécies de cobras, aranhas e escorpiões, muitas  já extintas, mas cuidadosamente conservadas em formol (substância altamente inflamável!). Sm, eu falei 70 mil exemplares... não fora por acaso que o Instituto recebeu reconhecimento internacional na  área  da construção de fábricas e na produção de soros e vacinas. Não há dinheiro nenhum no mundo que pague tal prejuízo, mas sequer uma breve estimativa dessa perda fora contabilizada, até porque seus pesquisadores e funcionários, ainda se encontram muito abalados com o que aconteceu e  sequer sabem por onde começar esse trabalho, afinal, estamos falando  do maior acervo de cobras do país  e um dos maiores do mundo! É de doer no coração de qualquer um!


Agora chegou a minha vez de questionar! Mediante o valor científico incalculável que esse acervo possuía, será mesmo que o poder público deu a ele a devida e merecida atenção? Para alguns meios de comunicação, não! Após o incêndio, reportagens de reconhecida credibilidade - como o jornal 'O Estado de São Paulo' - apontaram falhas e descaso que podem ter contribuído para um incidente tão dramático. Uma matéria recente desse jornal (link abaixo) aponta sérios problemas encontrados em  boa parte da estrutura do Butantã, incluindo nesse rol, o Prédio da Biblioteca, considerado o "cartão-postal" do local. A matéria afirma: "Há goteiras, infiltrações e cupins por todos os lados. Uma sala está sem teto e teve de ser interditada no início do ano por causa de um deslocamento de vigas. Sem instalações adequadas para trabalhar, funcionários recorrem a gambiarras elétricas. Há até um morcego que vive no porão, apelidado de Juquinha. No mesmo prédio funciona, indevidamente, o setor de farmacologia".
  


Se formos parar um pouco para analisarmos a coerência dessas denúncias, fatalmente nos lembraremos que  tal  negligência pública em relação as nossas preciosidades históricas, geográficas, científicas etc, infelizmente, não é uma exclusividade do Instituto! Basta lançarmos o olhar, por exemplo, para o estado de conservação de muitas das bibliotecas públicas do nosso país, de museus mantidos pelo governo (ou alvo de descaso por parte dos mesmos), laboratórios de universidades, entre outros... todos, com muita frequencia, são abandonados e  até condenados por  falta de investimentos, comprometimento público e responsabilidade social com o nosso patrimônio!


O caso do Butantã deixou muitos laboratórios brasileiros em alerta, visto que a  falta de apoio à conservação do patrimônio histórico natural do nosso país é geral! Além dos obrigatórios extintores, nenhum dos grandes museus de zoologia conta com sistemas adequados de combate a incêndios e se é assim, estaremos, por muito tempo ainda, ameaçando nosso passado científico e, principalmente, nosso futuro.


Pelo que li, me parece que o Ministério do Meio Ambiente (MMA) resolveu ajudar nesse sentido e já se organiza para pedir maior apoio à conservação desses acervos biológicos... até lá, todo cuidado é pouco! Fica então registrada minha denúncia ao tempo em que  lanço a vocês um ponto de reflexão que considero de suma importância para sobrevivência de nossa identidade biológica, científica, estendendo isso a nossa cultura e história! As eleições estão aí, grandes promeças serão feitas e em poucas delas encontraremos preocupações dessa natureza, o que talvez nos sirva de incentivo para uma escolha mais coerente! Entendo que esse assunto também deve ser uma prioridade, do contrário será "mais do mesmo". Fiquemos atentos! 

O beijo de hoje é exclusivo para Josi, do Blog 'Diário de Bordo', que gentilmente sugeriu o tema dessa quinta... brigado pela oportunidade, amoreco!

Jr Vilanova.

Outros links sobre o assunto:

- http://parana-online.com.br/editoria/pais/news/448298/?noticia=FOGO+NO+BUTANTA+EXPOE+ABANDONO+DO+SETOR+DE+PESQUISA

http://www.uai.com.br/htmls/app/noticia173/2010/05/18/noticia_nacional,i=160190/INCENDIO+NO+BUTANTAN+POE+MUSEUS+DE+ZOOLOGIA+EM+ALERTA.shtml

- http://opovo.uol.com.br/brasil/984284.html

10 comentários:

Pepe disse...

Interssante :)

http://artmusicblog.blogspot.com/

Essência e Palavras disse...

Muito bem lembrado.
Cultura pura como sempre!

beejao!

Chica disse...

Isso foi mesmo uma grande perda! Postagem inteligente e interessante!abração,chica

Teresa disse...

Já tinha lido so bre isso no blogue da Luma Rosa, essas perdas científicas são irrecuperáveis. Infelizmente, aqui em Portugal, também há casos de negligência em relação ao património. É importante alertar.
Bjs

carol sakurá disse...

Parabéns por abordar um tema de tanta importância.
Tínhamos o maior acervo do mundo e de uma importância imensurável.
Gostei de como problematizou.
Abs!

Wanderley Elian Lima disse...

Foi uma perda lamentável para a ciência do Brasil e do mundo.
Bjux

lis disse...

Muito oportuna a abordagem .
Ficamos todos a mercê dos governantes ,em todos os sentidos . É lamentável e visível o descaso.
Jamais será recuperado o que se perdeu , quanta incompetencia no nosso país gerando todo tipo de prejuízo.
Eleiçoes virou descrédito também, Júnior.
Vamos denunciar sempre , quem sabe alguma coisa boa, fica.
Abraços, boa sexta feira

CRISTIANE disse...

Que bom que nem todos perderam esse senso crítico! Isso é tão importante num país como o nosso, que anda cheio de malandros mal intencionados!

Também fiquei com o coração partido quando vi a notícia, isso foi realmente "o caos", ela está no dia certo do blog! Tomara que não precisemos nos deparar com coisas assim por um motivo tão ridículo: descaso!

Valeu pela reflexão mais uma vez.
Cris

Valéria Sorohan disse...

Foi um descaso com o patrimônio que teve como fim um perda lastimável. Bem lembrado!!

BeijooO'

Dalva disse...

Uma perda irreparável e mais uma vez a triste constatação do descaso ao um acervo de tão grande magnitude... Uma pena, realmente.

Bjs.

Postar um comentário

Algumas dicas para comentaristas:

1. Use sempre o login da sua conta/ e-mail do Google ou Yahoo. Para os que não as tem, opinhem usando "Nome / URL"! É só digitar seu nome, assim todos saberão quem escreveu (inclusive eu!)

2.Se você possui um blog seu comentário será uma ferramenta de divulgação, pois representa o seu cartão de visita para os que não lhe conhecem. Pense nisso.

3.O espaço aqui é bem democrático, fique a vontade pra falar o que pensa e obrigado pela visita!

 

Copyright © - Contatos Imediatos - Todos os direitos reservados.
Template Minima de Douglas Bowman - Design por Linketal.com