quarta-feira, 24 de março de 2010

'OBRIGADA POR INSISTIR'



"Até o mais seguro dos homens e a mais confiante das mulheres já passaram por um momento de hesitação, por dúvidas enormes e dúvidas mirins, que talvez nem merecessem ser chamadas de dúvidas, de tão pequenas. Vacilos, seria melhor dizer. Devo ir a este jantar, mesmo sabendo que a dona da casa não me conhece bem? Será que tiro o dinheiro do banco e invisto nesta loucura? Devo mandar um e-mail pedindo desculpas pela minha negligência? Nesta hora, precisamos de um empurrãozinho. E é aos empurradores que dedico esta crônica, a todos aqueles que testemunham os titubeios alheios e dizem: vá em frente!
.
“Obrigada por insistir para que eu pintasse, que eu escrevesse, que eu atuasse, obrigada por perceber em mim um talento que minha autocrítica jamais permitiria que se desenvolvesse.”
.
“Obrigada por insistir para que eu fosse visitar meu pai no hospital, eu não me perdoaria se não o tivesse visto e falado com ele uma última vez, eu não teria ido se continuasse sendo regida apenas pela minha teimosia e orgulho.”
.
“Obrigada por insistir para que eu conhecesse Veneza, do contrário eu ficaria para sempre fugindo de lugares turísticos e me considerando muito esperta, e com isso teria deixado de conhecer a cidade mais surreal e encantadora que meus olhos já viram.”
.
“Obrigada por insistir para que eu fizesse o exame, para que eu não fosse covarde diante das minhas fragilidades, só assim pude descobrir o que trago no corpo para tratá-lo a tempo. Não fosse por você, eu teria deixado este caroço crescer no meu pescoço e me engolir com medo e tudo.”
.
“Obrigada por insistir para eu voltar pra você, para eu deixar de ser adolescente e aceitar uma vida a dois, uma família, uma serenidade que eu não suspeitava. Eu não sabia que amava tanto você e que havia lhe dado boas pistas sobre isso, como é que você soube antes de mim?”
.
“Obrigada por insistir para que eu deixasse você, para que eu fosse seguir minha vida, obrigada pela sua confiança de que seríamos melhores amigos do que amantes, eu estava presa a uma condição social que eu pensava que me favorecia, mas nada me favorece mais do que esta liberdade para a qual você, que me conhece melhor do que eu mesma, apresentou-me como saída.”
.
“Obrigada por insistir para que eu não fosse àquela festa, eu não teria agüentado ver os dois juntos, eu não teria aturado, eu não evitaria outro escândalo, obrigada por ficar segurando minha mão e ter trancado minha porta.”
.
“Obrigada por insistir para eu cortar o cabelo, obrigada por insistir para eu dançar com você, obrigada por insistir para eu voltar a estudar, obrigada por insistir para eu não tirar o bebê, obrigada por insistir para eu fazer aquele teste, obrigada por insistir para eu me tratar.”
.
Em tempos em que quase ninguém se olha nos olhos, em que a maioria das pessoas pouco se interessa pelo que não lhe diz respeito, só mesmo agradecendo àqueles que percebem nossas descrenças, indecisões, suspeitas, tudo o que nos paralisa, e gastam um pouco da sua energia conosco, insistindo."


Martha Medeiros.

OUTRAS PALAVRAS...

Ainda estamos  em março e o Contatos Imediatos continua cumprindo um compromisso assumido, o  de dedicar todas as 'quartas da poesia' desse mês a cronista Martha Medeiros! No mês mais feminino do ano, uma contínua homenagem ao o8 de março! 
...
Particularmente falando, não sou fã da insistência. Respeito muito mais a persistência, pois a considero menos chata, menos inconveniente, digamos! Contudo, ler as sábias palavras da autora me faz repensar algumas posturas assumidas por pessoas que convivo (e amo)! Por mais que eventualmente as  considere equivocadas  ao  insistirem em algo, devo reconhecer que estão apenas tentando acertar, me proteger, me estimular a fazer alguma coisa que julgam ser melhor pra mim! E mais, na maioria dos casos elas estão certas.

...

Bem, ontem  completamos um ano no ar! E aproveitando esse post , quero novamente agradecer a todos que insistiram, que não desistiram e estão comigo desde o começo! Achei oportuno fazê-lo novamente! 
Beijo, gente...
Jr Vilanova!

13 comentários:

Chica disse...

Martha é maravilhosa e nos orgulhamos dela aqui em P.Alegre. E esse texto, talvez me dê ânimo de INSISTIR em ir à academia que acho o ó do borogodó, mas estou precisando,rsrsr...abração,tudo de bom,chica

Valéria disse...

Uma palavrinha faz a diferença. Quantas coisas novas não teriam sido inventadas, se optassem por classificar as pessoas que buscam soluções inovadoras por persistentes ao invés de Insistentes?
Gosto da Martha Medeiros.
`
BeijooO'

CRISTIANE disse...

Júnior, que interessante refletir sobre a diferença de insistir e persistir... sabe que você tem toda razão? Claro, se alguém insiste muito comigo eu penso: "que pessoa insistente, chata", mas se ela for perseverante, vai ganhar o meu respeito!

Talvez o texto de Martha esteja mais ligado a persistência, como você falou, mas de todo jeito é LINDO!

Adorei.
Cris.

Wanderley Elian Lima disse...

As vezes estamos doido para fazer alguma coisas mas está faltando aquele empurrãozinho, quando aparece aquela mão amiga e da esse empurrão, é muito bom, nos sentimos mais corajosos para executar o nosso desejo. Martha Medeiros é sem comentário.
Beijão

carol sakurá disse...

Lindo,Junior!
Meu coraçao insiste...
Beijos!

Marliborges disse...

Mas quando o insistir se contrapõe ao persistir, aí vira um problemaço! Contudo, penso que insistir um pouquinho é válido, e ajuda naquelas ocasiões de indecisão momentânea, naqueles titubeios, como refere a autora. Aí sim, a gente agradece a insistência bem vinda. Do contrário, não gosto não!
Beijão amigo.

lis disse...

Oi Júnior
Boa pedida essa da Martha Medeiros.
Insistir ? é válido se for por amor, mais uma palavrinha e depois o agradecimento. Melhor arriscar mais um pouquinho , rs.
Parabéns de novo por tudo que proporciona a si mesmo e aos amigos.
Vou estar sempre aqui, insistindo na capacidade de achar tempo pra boas leituras e pros ótimos amigos.
meus abraços

lis disse...

Voltei pra deixar declarado o post mais lindo do mes de março: "Poesia visual" com fotos do artista Tchello d'Barros postado no dia 03/03.
Fiquei apaixonada pela delicadeza das imagens do mar.
abraços

Dalva disse...

Junior,

uma beleza esta crônica da Martha... concordo contigo sobre a persistência, mas insistências deste tipo são sempre benvindas!

Bjs.

Dalva disse...

Eba... consegui acessar de novo o CI!!!

\o/

Teresa disse...

Pois é, às vezes só precisamos de um pouco de confiança para ir em frente. E uma palavra de incentivo pode fazer a diferença.

Valéria disse...

Na minha insistência, olha eu aqui de novo, cadê o top dez?!!

BeijooO'
Bom final de semana.

José Renan disse...

Insistir, amar, acreditar e viver!... Acho que esse texto tem muita coisa incomum com a minha vida!... Estou aqui num quarto de hotel ouvindo o som da cidade, que barulho!... E insistindo para todos(as), que aqui é um ótimo lugar e que Júnior Vila Nova é o CARA. Insisto que sou o fã NUMERO 1.

Postar um comentário

Algumas dicas para comentaristas:

1. Use sempre o login da sua conta/ e-mail do Google ou Yahoo. Para os que não as tem, opinhem usando "Nome / URL"! É só digitar seu nome, assim todos saberão quem escreveu (inclusive eu!)

2.Se você possui um blog seu comentário será uma ferramenta de divulgação, pois representa o seu cartão de visita para os que não lhe conhecem. Pense nisso.

3.O espaço aqui é bem democrático, fique a vontade pra falar o que pensa e obrigado pela visita!

 

Copyright © - Contatos Imediatos - Todos os direitos reservados.
Template Minima de Douglas Bowman - Design por Linketal.com