sexta-feira, 26 de junho de 2009

“A morte nos redime?”



Tava na fila do supermercado ontem quando ouvi no Jornal Nacional a notícia: “MORRE O CANTOR MICHAEL JACKSON”... e vem sendo assim desde então, hoje, no mundo inteiro, não se fala de outra coisa. Nos jornais e telejornais a manchete é quase uma unanimidade: “Morre o maior astro pop de todos os tempo”... “A música mundial perde um grande homem”... “O mundo chora a perda de um ícone do pop”... pelo menos essas foram algumas das coisas que ouvi e li!

Até aí tudo bem, reconheçamos a importância do astro, que marcou toda uma geração de forma única e original, mas ainda assim me questiono sobre algumas coisas, pois ainda ontem mesmo as matérias envolvendo o nome do cantor tinham conotações bem diferentes das que hoje estampam os tablóides - que o descrevem como um grande herói -, incluindo acusações sérias como: pedofilia e loucura! Sérias acusações, diga-se de passagem!

A verdade, sem maquiagens, é que a reputação de Michael Jackson encontrava-se seriamente comprometida nos últimos anos e a imprensa mundial, inúmeras vezes, chegou a classificar sua carreira como decadente, se deleitando com seus sucessivos escândalos! As últimas polêmicas levantadas a seu respeito pela mídia davam conta da sua potencial falência financeira, decorrente de tantas indenizações pagas as vítimas envolvidas em suas condenações e colocavam em dúvida sua preparação física para encarar uma nova turnê aos 50 anos (porque, se Madonna, por exemplo, continua "firme e forte" no show Bisiness)!

Mas eis que num fatídico 25 de junho, o mundo é surpreendido pela morte precoce de um ídolo e de repente tudo muda. Automaticamente a – estranha - figura desgastada do artista, muitas vezes classificada como “bizarra”, se transforma rapidamente e dá lugar ao “pop star mais importante de todos os tempos da história da música mundial” e “uma perda irreparável para o mundo da música”... não que ele não seja, que não represente essa perda tamanha, não afirmaria isso em hipótese nenhuma, mas o que gostaria de pontuar - porque esse é meu o papel aqui – é: a morte redime os pecados do mundo?

Em vida, um Michael sem credibilidade, bizarro, pedófilo e decadente, após a sua morte, um Mártir! Seria esse um gesto de redenção por parte da imprensa, de compaixão pelo momento de dor ou simplesmente uma estratégia para vender mais notícias, discos e afins? Ou seria apenas pelo fato da morte ser um motivo mais que suficiente para que esqueçamos as diferenças e defeitos uns dos outros? Seria compaixão a palavra certa?

Acho que esse também é um momento de repensar alguns posicionamentos, pois acho que tantas homenagens recebidas poderiam muito bem serem feitas em vida! Depois de morto não tem graça... Porque não sermos mais tolerantes com as pessoas quando elas ainda estão entre nós? Se elas são tão importantes e fazem uma falta tão essencial em nossas vidas, deveríamos deixar isso um pouco mais claro durante nosso tempo de convívio com elas, pra não soar depois como hipocrisia! Seja com Michael Jackson, seja com quem for!

E você, o que pensa sobre isso?

No mais, meus pêsames aos fãs que ficaram órfãos do “Rei do Pop”!


BOM FINAL DE SEMANA PARA TODOS!
Jr.

PS: COMPLETAMOS HOJE 400 ACESSOS AO BLOG EM 03 MESES! ACHEI LEGAL DEMAIS!

PS2: FINALMENTE O PROBLEMA DA NET EM CASA FOI RESOLVIDO! PREPAREM-SE PARA MAIS POSTAGENS AINDA...RS...

6 comentários:

Anônimo disse...

Sim, é verdade!... Reconhecimento postumo, a quem estava sendo axincalhado dias antes!... Gosto do Michael, principalmente no tempo dos Jackson Five e no incio da sua carreira solo, mas infelizmente, se foi e não será mais prato cheio de noticias ruins dentro dos tabloides, hoje ele estampa a primeira pagina dos maiores jornais do mundo, como Rei.
Renan.

Anônimo disse...

Legal seu ponto de vista... a verdade é dura, mas precisa ser encarada também!!!rsrsrs
Notícias lamentando a morte do MJ já tem demais, aqui exitem outros motivos para refletir e lamentar também, porque não?
Bjos a todos.
Cris.

Vânia disse...

lONGE DE REDIMIR SEUS PECADOS, MAS QUEM NÃO OS TEM? ERA UMA MENTE PERTURBADA, UM ESPÍRITO FRACO, VC SOUBE DE SUA INFÂNCIA, PARA ALGUÉM INVOLUÍDO NÃO É FÁCIL, MAS SEUS PROJETOS SOCIAS MARCARAM O MUNDO AINDA NA DÉCADA DE 80"WE ARE THE WORLD" SEM ACUSAÇÕES DE PEDOFILIA O CARA ERA UM GÊNIO DANÇAVA COMO NINGUÉM, SEJA MAIS GENEROSO. RISOS. BJUS

Anônimo disse...

"""A dignidade humana precisa ser urgentemente resgatada"""

Comungo da mesma opinião sua Júnior. Assisti em um canal de TV que Michael Jackson estava em coma, na mesma hora mudei de canal e a outra emissora já estava noticiando a confirmação de sua morte.
Comecei a imaginar várias situações, o como que a ganância pelo Ibobe é tamanha, a ponto de divulgarem uma informação sem ser a oficial ainda, comecei a lembrar o quanto esse cantor estava menosprezado pelos meios de comunicação nos últimos anos e de uma hora para outra esse quadro estava se revertendo.
Acho que vc falou tudo, parabéns pelo texto, esses dias foi a única coisa que li diferente a respeito da morte do "rei do pop"

..........
Independente de seus erros e acertos era um ser humano e precisa ser respeitado!! Que Deus conforte seus filhos e as pessoas que realmente o amavam
..........

Dinha

Anônimo disse...

Jú, que reflexão!!! adorei a mensagem "que tantas homenagens poderiam ser feitas em vida! Pq não sermos mais tolerantes quando elas ainda estão entre nós? Depois de morto não tem graça..." Acho que este é o grande dever de casa, só assim poderemos vivenciar a morte de forma mais "saldável"
Bj,

Patrícia.

Anônimo disse...

As notícias já começam a mudar... os jornais já voltaram a trata-lo como pertubado! A midia é um perigo!

Postar um comentário

Algumas dicas para comentaristas:

1. Use sempre o login da sua conta/ e-mail do Google ou Yahoo. Para os que não as tem, opinhem usando "Nome / URL"! É só digitar seu nome, assim todos saberão quem escreveu (inclusive eu!)

2.Se você possui um blog seu comentário será uma ferramenta de divulgação, pois representa o seu cartão de visita para os que não lhe conhecem. Pense nisso.

3.O espaço aqui é bem democrático, fique a vontade pra falar o que pensa e obrigado pela visita!

 

Copyright © - Contatos Imediatos - Todos os direitos reservados.
Template Minima de Douglas Bowman - Design por Linketal.com